Água e Emoções entre a Paisagem Real e a Imaginada: Fontes decorativas no Jardim dos Amores e do Paraíso

dc.contributor.authorFreitas, Isabel Vaz de
dc.date.accessioned2015-04-29T17:26:13Z
dc.date.available2015-04-29T17:26:13Z
dc.date.issued2014
dc.descriptionEstudar o imaginário medieval é um desafio, tendo em conta que é difícil a completa abstração de olhares e a interpretação rigorosa das representações e dos sentires de uma outra época. O estudo histórico exige autenticidade, realismo e veracidade de análises que resultem de descobertas do passado. Para o conseguir, as questões do imaginário, vivências e emoções, como as que se pretendem abordar neste trabalho, relacionadas com objetos ou paisagens, é tarefa que comporta uma atenção à metodologia de abordagem que ainda se encontra em debate aberto.pt_PT
dc.identifier.citationFreitas, I. V. (2015). Água e emoções entre a paisagem real e a imaginada: fontes decorativas no Jardim dos Amores e nos Jardins do Paraíso. In M. I. Val Valdivieso (ed.), La percepción del agua en la Idad Media (pp. 86-99). Alacant: Publicaciones de la Universat d’Alacant. ISBN 978-84-9717-345-2.
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11328/1133
dc.language.isoporpt
dc.publisherUniversidad de Alicantept
dc.rightsopen accesspt
dc.subjectÁguapt
dc.subjectMedievalpt
dc.subjectIdade médiapt
dc.subjectJardinspt
dc.subjectFontespt
dc.titleÁgua e Emoções entre a Paisagem Real e a Imaginada: Fontes decorativas no Jardim dos Amores e do Paraísopt
dc.typejournal articlept
degois.publication.locationUniversidad de Alicantept
degois.publication.titleLa percepción del agua en la Edad Mediapt
dspace.entity.typePublicationen
Ficheiros
Principais
A mostrar 1 - 1 de 1
A carregar...
Miniatura
Nome:
água e emoçoes.pdf
Tamanho:
554.07 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format