Retrato sobre o empreendedorismo económico em África concretamente em Angola: Evidência empírica sobre a intenção empreendedora dos estudantes do ensino superior angolano.

dc.contributor.advisorSalazar, Vasco, orientador científico
dc.contributor.authorDengue, Paulo Alberto
dc.date.accessioned2016-08-18T16:12:06Z
dc.date.available2016-08-18T16:12:06Z
dc.date.issued2016-07-27
dc.date.submitted2016-07
dc.description.abstractO mundo em que vivemos actualmente está caracterizado como da era da globalização, do empreendedorismo e de elevada competição empresarial. Por outro, há uma forte mudança marcada por um clima significativo de tranformações nas mais diferentes esferas da vida humana, nomeadamente: política, social e sobretudo na económica, o que exige e exigirá cada vez mais a necessidade de fazer muitas ações que promovam o empreendedorismo e o surgimento de novos empreendedores e empresários. É reconhecido que o empreendedorismo trata-se de uma temática bastante importante, que diz respeito à criação de um novo ambiente de negócios e multiplicidade de empregos, criação de novas empresas que possam gerar riqueza, nas mais vastas regiões planetárias, ou mesmo, dentro de um determinado país. A presente investigação identifica e avalia o impacto do empreendedorismo na intenção empreendedora dos estudantes de ensino superior angolano e, ao mesmo tempo, procura, através da revisão de literatura, fazer uma explanação sobre os aspectos inerentes ao empreendedorismo. A intenção de abordar o empreendedorismo ligado ao ensino do empreendedorismo na escola e os fatores comportamentais dos empreendedores também são realçados neste trabalho. Com base na fundamentação teórica, as hipóteses formuladas são testadas quando se fez a análise dos resultados, tendo ficado vincado que as variáveis “necessidade de realização” e “ensino do empreendedorismo” não exercem influência sobre a variável independente “intenção empreendedora”. Perante os resultados obtidos constatou-se que a variável “auto-eficácia” afeta negativamente a “intenção empreendedora” ao passo que a variável “desejo de independência” influencia positivamente na “intenção empreendedora”. Os resultados obtidos divergem do esperado segundo a revisão de literatura, proporcionando uma visão diferente do padrão observado em outros estudos, contribuindo para o entendimento da relação entre as características empreendedoras, o ensino do empreendedorismo e a intençao empreendedora.pt_PT
dc.description.abstractThe world we live in is currently characterized as the era of globalization, entrepreneurship and high business competition. On the other, there is a strong shift marked by a significant climate transformations in many different spheres of human life, namely: political, social and especially in economic, requiring and increasingly require the need to do many activities that promote entrepreneurship and the emergence of new entrepreneurs and businessmen. It is recognized that entrepreneurship is a very important issue, concerning the creation of a new business environment and multiplicity of jobs, creation of new businesses that can generate wealth, in the broader planetary regions, or even within a given country. This research identifies and assesses the impact of entrepreneurship in the entrepreneurial intention of the Angolan higher education students and at the same time, looking through the literature review, make an explanation of the circumstances relevant to entrepreneurship. The intention of addressing entrepreneurship combined with entrepreneurship education at school and behavioral factors of entrepreneurs are also highlighted in this work. Based on the theoretical foundation, the hypotheses are tested when it made the analysis of the results, having been creased the variables "need for achievement" and "entrepreneurship education" have no influence on the independent variable "entrepreneurial intention." In view of the results it was found that the variable "self-efficacy" adversely affects "entrepreneurial intention" while the variable "desire for independence" influences positively the "entrepreneurial intention." The results differ from expected according to the literature review, providing a different view of the pattern observed in other studies, contributing to the understanding of the relationship between entrepreneurial characteristics, entrepreneurship education and the intention entrepreneurial.pt_PT
dc.identifier.citationDengue, P. A. (2016). Retrato sobre o empreendedorismo económico em África concretamente em Angola: Evidência empírica sobre a intenção empreendedora dos estudantes do ensino superior angolano. (Dissertação de Mestrado), Universidade Portucalense, Portugal. Disponível no Repositório UPT, http://hdl.handle.net/11328/1596pt_PT
dc.identifier.tid201220040
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11328/1596
dc.language.isoporpt_PT
dc.rightsopen accesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectEmpreendedorismopt_PT
dc.subjectIntenção empreendedorapt_PT
dc.subjectEnsino do empreendedorismopt_PT
dc.subjectFatores comportamentaispt_PT
dc.subjectEntrepreneurshippt_PT
dc.subjectEntrepreneurial intentionpt_PT
dc.subjectEntrepreneurship educationpt_PT
dc.subjectBehavioral factorspt_PT
dc.subject.fosManagementpt_PT
dc.titleRetrato sobre o empreendedorismo económico em África concretamente em Angola: Evidência empírica sobre a intenção empreendedora dos estudantes do ensino superior angolano.pt_PT
dc.typemaster thesispt_PT
dspace.entity.typePublicationen
thesis.degree.nameDissertação de Mestrado em Gestão.pt_PT

Ficheiros

Principais
A mostrar 1 - 1 de 1
A carregar...
Miniatura
Nome:
TMG 28.pdf
Tamanho:
1.28 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format