Alcindor, Mónica

A carregar...
Foto do perfil
Endereço de Email
Data de nascimento
Cargo
Último Nome
Alcindor
Primeiro Nome
Mónica
Nome
Mónica Alcindor Huelva
Biografia
Doutoramento em Arquitetura na Universitat Politècnica de Catalunya- UPC, Espanha (2011). Graduada em Antropologia Social e Cultural na Universidad Nacional de Educación a Distancia – UNED, Espanya (2019). Pós-graduação em técnicas de intervenção patrimoniais na UPC, Barcelona, Espanha (2010). Diploma de Estudos Avançados em Construção, Restauro e Reabilitação Arquitectónica (2007). Licenciatura em Arquitetura na Escuela Técnica Superior de Arquitectura de Sevilha-ETSAS, Espanha (1999). Afiliação: CIAUD-UPT—Branch of CIAUD Research Center, Departamento Arquitetura e Multimédia Gallaecia. CIAUD, Research Centre for Architecture, Urbanism and Design, Lisbon School of Architecture, Universidade de Lisboa.
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Organização
CIAUD-UPT - Centro de Investigação em Arquitetura, Urbanismo e Design
O Centro de Investigação Gallaecia é responsável pela investigação e produção científica do DAMG. A equipa tem ganho regularmente financiamento para projetos de investigação, como coordenador ou parceiro, em candidaturas da FCT (projeto SEISMIC-V), programa Cultura 2000 (projeto VerSus) ou da Europa Criativa (projeto 3DPAST). A equipa realiza igualmente, consultoria e prestação de serviços a Municípios, assim como apoio às comunidades nas Juntas de Freguesia e Santa Casa da Misericórdia. Os principais projetos de investigação ganhos e coordenados pela equipa têm sido dedicados sobretudo a património vernáculo, arquitetura de terra, Património Mundial e multimédia. Atualmente, encontram-se em desenvolvimento, os projetos “Versus+: Heritage for People” do programa Europa Criativa, com participação de 4 países (2019-2023); e o projeto “SizaAtlas: Filling the gaps” projeto FCT, coordenado pelo ISCTE, com parceria da FAUP e da UPT (2021-2024). Devido ao desenvolvimento ativo de projetos, de formação e capacitação, de valorização e proteção de património vernáculo e de arquitetura de terra, a equipa foi outorgada, com a Cátedra UNESCO de “Arquitetura de Terra, Desenvolvimento Sustentável e Culturas Construtivas”, da UNITWIN e Chaire UNESCO da CRAterre; e é membro institucional da Rede Ibero-americana PROTERRA de arquitetura e construção com terra.

Resultados da pesquisa

A mostrar 1 - 1 de 1
  • PublicaçãoAcesso Aberto
    Técnicas de diagnóstico cualitativo para la regeneración urbana
    2024-04-01 - Alcindor, Mónica
    El arquitecto, entendido como el responsable de la construcción de artefactos, así como de diferentes modificaciones que definen nuestro medio espacial, tiene una clara influencia en nuestras relaciones a través de las intervenciones que propone. El arquitecto debe tener en cuenta todos los que de un modo u otro se verán afectados con su intervención, sobre todo en el caso de la regeneración urbana como escenario de la vida social. Mediante el uso de técnicas de diagnóstico social es posible acceder a tener una visión poliédrica de las cosmovisiones de todos los actores que forman parte del lugar de intervención. Estas técnicas se basan en que la comprensión del conocimiento de la realidad siempre es poliédrico y se enriquece con la confluencia de distintas perspectivas al mismo tiempo que se fortalece la acción conjunta como comunidad.